berna reale
cantando na chuva, 2014
vídeo
4'15
+

Berna Reale (n. 1965, Belém, Brasil) estudou arte na Universidade Federal do Pará e participou de diversas exposições individuais e coletivas no Brasil e no exterior, como as bienais “É tanta coisa que nem cabe aqui”, representação brasileira na 56a Bienal de Veneza (Itália, 2015); Bienal de Fotografia de Liège (Bélgica, 2006); Bienal de Cerveira (Portugal, 2005); FotoBienalMasp, MASP (São Paulo, 2013). Apresentou as individuais “Vapor”, na Galeria Millan (São Paulo, 2014), e “Vazio de Nós”, no Museu de Arte do Rio (Rio de Janeiro, 2014). Dentre as coletivas, destacam-se “Singularidades/Anotações – Rumos Artes Visuais 1998-2013”, Itaú Cultural (São Paulo, 2014); “Amazônia – Ciclos da Modernidade”, Centro Cultural Banco do Brasil (Rio de Janeiro, 2012) ; “From the margin to the edge”, Somerset House (Londres, Inglaterra, 2012). Recebeu os prêmios Marcantonio Vilaça (2015) e Salão Arte Pará (Belém, PA, 2009); foi selecionada para o Rumos Visuais – Itaú Cultural (2011), e para o PIPA, em 2012 e 2013 (sendo finalista neste último).